Skip to content

Mercado cinematográfico ainda encontra seu público para aluguel e coleção de fitas e dvds

Repórter: Jéssica Ribeiro Postado em: 25/06/2013

Em plena época do youtube, filmes online, netflix, sky, pirataria, ainda existem pessoas que optam por alugar ou colecionar filmes. Seja por preferência, ideologia, ou mesmo por apreço de cinéfilo.

Serviços de aluguel ou compra de filmes competem com todas essas ofertas na internet, pois ainda existe muita gente que mantém o hábito de ir em locadora, colecionar filmes, assistir em um aparelho de dvd, ou até mesmo nos antigos aparelhos de fita cassete ou vhs. O estudante de Relações Internacionais, Eduardo Barbosa é uma dessas pessoas que ainda opta por alugar filmes:

Entrevista – Eduardo Barbosa

Assim como o Eduardo, que aluga filmes, muitas pessoas também continuam com essa prática, que é o que mantém as locadoras em funcionamento. De acordo com a gerente de uma locadora de Juiz de Fora, Ana Clara Loureiro, o estabelecimento vive dos seus clientes fiéis. Ela também conta que para manter a loja é preciso sempre se reiventar, criar promoções que atraiam a clientela. Ana Clara Loureiro conta sobre o diferencial da locadora:

Entrevista – Ana Clara Loureiro 

Além das pessoas que optam pelo aluguel de filmes, existe quem prefere colecionar, seja por amor ao cinema, motivos de colecionador, ou por conta de algum tema específico, muitas pessoas investem dinheiro na compra de filmes. Esse é o caso do estudante de mestrado em Artes, Rodrigo Oliveira, que começou com esse hobbie há uns cinco anos. “Tudo começou quando entrei na faculdade de cinema, e logo todo esse universo me interessou. Comecei a achar filmes com preço bom na internet e também em algumas lojas, e logo tornou um costume ir comprando”.

O estudante também conta que hoje compra mais por preferência de diretores ou atores. Ele costuma assistir filmes na internet quando ainda não chegaram para a compra em DVD ou não irão passar nos cinemas de Juiz de Fora. “Para mim, é tão comum comprar filmes, que todos os meus amigos sabem que é um bom jeito de me presentear. No meu último aniversário, por exemplo, ganhei a coleção de filmes do diretor Woody Allen, que eu já estava doido para ter fazia um tempo”.

Parte da coleção de Rodrigo. Foto: Jéssica Ribeiro

Parte da coleção de Rodrigo Oliveira. Foto: Jéssica Ribeiro

A fotógrafa Tamires Orlando também mantém esse hábito. Além de colecionar DVDs, Tamires possui muitas fitas cassete. “Aqui em casa eu e meus pais sempre tivemos o hábito de assistirmos filmes juntos, desde quando eu era criança. Então, até hoje tenho filmes infantis, como fitas cassete com gravações caseiras”. A fotógrafa também afirma que por conta disso, ela e sua família ainda mantêm a tradição de assistir filmes no vídeo cassete, pois ainda encontra preços muito bons em fitas de filmes raros. 

Fitas ainda em uso na casa de Tamires Gasparetto. Foto: Jéssica Ribeiro

Fitas ainda em uso na casa de Tamires Orlando. Foto: Tamires Orlando

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: