Skip to content

Vida Saudável na adolescência: cuidados e benefícios.

por Júlia Fracetti

17/06/2014 às 21:21

Dieta da lua, dieta da proteína, dieta da melancia. São muitos os tipos de dietas, cada um com um resultado diferente. Mas, no mundo da tecnologia e da busca cada vez mais acirrada pelo corpo perfeito, as dietas tomam um caráter bem divertido e, claro, funcional.

Carla, Caroline e Anna. (Foto: Júlia Fracetti)

Carla, Caroline e Anna. (Foto: Júlia Fracetti)

Um grupo de adolescentes escolheu utilizar a tecnologia a seu favor. Caroline Vidigal, Carla Oliveira e Anna Evangelista criaram um grupo no WhatsApp para compartilhar o que elas comem durante a semana. “Nós compartilhamos tudo, fotos dos pratos, alguma dica de receita, a dieta da semana, etc” comenta Caroline.

Elas não só compartilham imagens, mas também ficam de olho para ninguém deslizar na dieta. “É um jeito de controlar a outra. Quando você vai comer uma coisa fora da dieta você já pensa, não, isso as meninas vão meter o fumo”, diz Carla. Anna completa, “Se um dia uma enfia o pé na jaca a gente briga, fala que só vai comer salada depois disso”.

Grupo do WhatsApp (Foto: Júlia Fracetti)

Grupo do WhatsApp (Foto: Júlia Fracetti)

Os primos Arthur e Samuel optaram por outro jeito bem diferente de emagrecer.
Cada um faz uma dieta diferente e depois de quinze dias eles se pesam juntos. Nos dias de pesagem eles gravam um vídeo e postam em um canal no YouTube. Quem perder menos peso proporcionalmente recebe um desafio que é decidido previamente.

“O nosso critério avaliativo não está baseado na quantidade de quilos perdidos, mas sim na porcentagem proporcional de cada peso, pra se tornar uma disputa mais justa”, explica Arthur.

Arthur e Samuel (Foto: Júlia Fracetti)

Arthur e Samuel (Foto: Júlia Fracetti)

Mesmo sendo um desafio quinzenal, a dieta é mais um incentivo do que um castigo para os primos. “Sendo nesse formato de competição, a gente acaba tendo mais estímulo pra continuar aí a gente consegue perder mais peso do que em uma dieta comum”, diz Samuel.

Arthur perdeu menos peso e teve que cumprir o desafio. (Foto: Júlia Fracetti)

Arthur perdeu menos peso e teve que cumprir o desafio. (Foto: Júlia Fracetti)

A nutricionista Aline Gomes explica que é preciso ter uma atenção especial nas dietas em adolescentes. “As dietas radicais, sem uma orientação de um profissional, podem contribuir com o surgimento de distúrbios alimentares que começam na adolescência e podem ter sérias consequências na idade adulta”.

Segundo ela, “o ideal é que essa vontade de ter uma vida saudável não vire uma tortura para os jovens, mas que tenha um acompanhamento da rotina para que, além de divertida e funcional, a dieta seja saudável e sem riscos à saúde”.

Aline também destaca a importância de uma vida ativa associada à alimentação saudável, “a prática de atividade física é essencial, principalmente na adolescência. É nessa fase de crescimento que eles vão sentir as mudanças no corpo. Com uma vida ativa, os jovens ficam mais produtivos, com autoestima maior e, consequentemente, diminuem o excesso do peso”.

 

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: