Skip to content

Jovens e Política: Como a Câmara Municipal de Juiz de Fora incentiva essa união?

Fabrício Andrade

Postado em 11/11/2013

Jovens e política. Essa união gera dúvida em muitas pessoas. Será que é por falta de conhecimento? Será que é por causa de alguma decepção? O real motivo varia de acordo com cada cidadão. O interesse deve partir tanto dos próprios eleitores quanto pelos políticos. Pensando em soluções práticas a Câmara Municipal de Juiz de Fora realiza anualmente dois projetos: O Parlamento Jovem e o Câmara Mirim.

O Parlamento Jovem é um programa da Assembleia Legislativa de Minas que a partir do ano de 2010 deixou de acontecer apenas em Belo Horizonte e passou a acontecer em outras cidades. O programa é voltado para alunos das duas primeiras séries do Ensino Médio e discute temas que podem ser abordados em todo o estado.

Escolas estão aproximando alunos da Política

Escolas estão aproximando alunos da Política

A Câmara Mirim é um programa desenvolvido pela Câmara Municipal de Juiz de Fora e é voltado para alunos que estão nas duas últimas séries do ensino fundamental. A grande diferença é que os temas que são discutidos são referentes a própria realidade da cidade. Os alunos pensam sobre problemas que visualizam diariamente.

Os dois projetos já aconteceram nesse ano na cidade. Tanto o Parlamento Jovem, que teve o enfoque no “Meio Ambiente”, quanto a Câmara Mirim, que discutiu “Juventude e Segurança” chegaram a conclusões úteis para a sociedade através da discussão de temas relevantes através dos programas.

Sérgio Peres Dutra, assistente técnico-administrativo da Câmara Municipal de Juiz de Fora, afirma qual é o objetivo do programa. “A intenção desses dois projetos além de apresentar e discutir o papel do legislativo e do executivo no município e trazer discussão sobre o que é democracia e cidadania. É Uma oportunidade de exercitar esses princípios na participação nos programas.”

Além disso Sérgio comenta mais detalhes sobre o programa e também sobre como é a participação dos alunos nesses projetos. Confira:

Os projetos são oportunidades de alunos discutirem seus pápeis como cidadãos. Eliane Souza, Vice-Presidente da Escola Municipal Santa Cândida, diz que os projetos são oportunidades de transformação. “Os alunos precisam ser inseridos no cenário político. Geralmente eles saem alienados quanto a esse cenário. Esses projetos são oportunidades de transforma-los em cidadãos. O grande problema é que poucos abraçam esses projetos, o que é uma pena.”

Divulgação é um ponto que deve ser trabalhado de forma mais efetiva nos projetos. O que será que os vereadores pensam disso? Ouça a opinião do vereador Noraldino Júnior. Ele fala sua opinião tanto sobre a Câmara Mirim quanto sobre o Parlamento Jovem, além de explicar de que forma os jovens podem se interessar ainda mais por projetos políticos.

E a sociedade como vê esses projetos? A aluna do Segundo Ano do Ensino Médio, Raquel Souza, afirma que “ falta muita divulgação! Na minha escola eu nunca ouvi nem falar sobre esses programas. Até teria interesse em discutir temas que ajudassem a melhorá-la mas sem informação fica difícil de apoiar”

Juventude e Política são temas que devem se complementar. Quem está fazendo sua parte? Fiquem atentos aos próximos editais e participem!

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: