Skip to content

Durabilidade de joias depende de cuidados e limpeza

Rebeca Trece

Postado em 28/01/14

Que joias e semi-joias duram mais que bijuterias, ninguém duvida. Alguns se esquecem, no entanto, que as peças necessitam de zelo para que se mantenham sempre belas e renovadas. De acordo com Fernanda Domingues, funcionária de uma joalheria, deve-se evitar, “o uso de produtos químicos. Pedras e pérolas precisam ser guardadas em locais arejados”, orienta. O mau uso pode comprometer a beleza de uma joia. “Se a pessoa tomar o mínimo de cuidado necessário, terá o acessório para o resto da vida”, afirma.

A naftalina é dispensável, explica a profissional, diferentemente do que pensavam as mulheres de antigamente. O produto, segundo ela, “pode manchar a joia. Isso, entretanto, não prejudica a qualidade do ouro”.

Com relação ao metal mais precioso do mundo – e que sim, marca se raspado na parede -, Fernanda pontua que cada tipo exige uma forma de limpeza. “No ouro amarelo aplica-se o polimento e, no branco, banho de ródio”. Na prata, por sua vez, usa-se uma substância conhecida como monzi.

Em geral, cremes, perfumes ou spray para cabelos prejudicam as joias. Por isso, o ideal é colocá-las cerca de dez minutos depois de aplicados esses produtos. Algumas composições, principalmente as que contêm ácidos, podem causar danos permanentes. Os produtos de limpeza doméstica também desgastam as joias, pedras e pérolas.

Receitas caseiras não são aconselháveis. Foto: Ilustrativa

Receitas caseiras não são aconselháveis. Foto: Ilustrativa

Se o contato mesmo assim acontecer, procure lavá-las com sabão neutro, enxágue-as com muita água e depois enxugue-as bem com uma flanela de algodão. É preciso, ainda, evitar que elas caiam no chão ou sofram impactos, de forma a não amassarem ou se desestruturarem. Usar receitas caseiras para limpar as peças não é aconselhável: procure sempre uma loja especializada que ofereça produtos específicos conforme o tipo do acessório.

As peças folheadas e banhadas não devem entrar em contato com produtos abrasivos. Assim, é adequado não raspá-las em superfícies rústicas, não usá-las no mar ou em piscinas com cloro – já que podem sofrer corrosão -, e não manusear areia, por exemplo, usando um desses acessórios.

Já as pérolas e pedras, como dito, não são resistentes ao calor e precisam ser guardadas em locais ventilados. As pérolas são naturais e correm o risco de morrer se fechadas em sacos plásticos. Procure se orientar com o vendedor sobre a peça adquirida: conhecimento nunca é demais. Se seguidos todos os cuidados, a durabilidade e beleza da joia são garantidas.

Herança

Joias são duradouras e, por isso, costumam passar de geração em geração. Seu valor, portanto, não é apenas material, mas também sentimental. Roberta Valadares é publicitária e guarda, até hoje, o pequeno brinco de ouro branco que ganhou da mãe quando nasceu. “É singelo, mas de inexplicável importância. Pretendo passá-lo adiante caso eu venha a ter uma filha”. Ela conta, ainda, que recentemente a mãe foi presenteada, pela avó, com um anel solitário. “Ela ganhou quando completou 50 anos. É lindo! Para mim, as joias representam a beleza e a pureza do amor, e por isso, precisam ser guardadas com cuidado e respeito”, finaliza.

Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: